Ipanema - (21) 2287-8006 / 99471-2590 | Lins de Vasconcelos - (21) 2269-5815 / 99169-6525

Nota de esclarecimento da Sociedade Brasileira de Dermatologia

A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) vem a público fortalecer a nota da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) e esclarecer a população que o preenchimento com ácido hialurônico é seguro, desde que realizado por médico capacitado e habilitado a executá-lo.

Infelizmente, no nosso país, a população tem sido vítima de complicações graves de procedimentos estéticos realizados por médicos não especialistas e, absurdamente, até por não médicos.

A SBD reforça a importância de a população certificar se o profissional escolhido para realizar um procedimento estético é médico, é especialista capacitado, membro de uma sociedade médica reconhecida pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e pela Associação Médica Brasileira (AMB). Aproveitamos para esclarecer que medicina estética não é uma especialidade médica e não é reconhecida por esses órgãos, sendo exercida e divulgada de forma ilegal.

Ilegal também é o médico que se diz e divulga ser especialista, sem o devido RQE (Registro de Qualificação de Especialidade), obtido após o registro de o Título de Especialista pelo Conselho Regional de cada estado.

A Sociedade Brasileira de Dermatologia é a única sociedade de dermatologistas reconhecida, tanto pela AMB quanto pelo CFM, e luta para que os órgãos responsáveis reconheçam a gravidade das consequências do exercício ilegal das profissões, com indivíduos que praticam atos que deveriam ser exclusivamente realizados por médicos e especialistas.

A Diretoria Executiva da SBD também aproveita para enviar as sinceras condolências à família enlutada pelo falecimento da paciente que motivou esta nota.

Rio de Janeiro, 13 de janeiro de 2016.

Diretoria Executiva da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD)